Como Controlar a Ansiedade


Como controlar a ansiedade e ter uma melhor qualidade de vida requer comprometimento, determinação e muita disposição. É sabido que a espera de uma notícia, de uma resposta importante ou do laudo de um exame médico desencadeia uma intensa ansiedade que causa sofrimento, agonia, tensão, além de dificuldade para dormir. Quem nunca desejou saber como controlar a ansiedade que atire a primeira pedra. Todos nós já passamos por momentos em que a ansiedade dominou a nossa rotina, nosso relacionamento e a nossa expectativa de seguir em frente.

  • A ansiedade é capaz de causar danos e rompimentos;
  • Favorece o surgimento de doenças criadas pela nossa mente;
  • Oscilação de humor;
  • Depressão
  • Tensão, nervosismo e irritação sem motivo;
  • Dificuldade de aprendizado;
  • Queda da imunidade e propensão a gripes e resfriados;
  • Surgimento de pensamentos negativos;
  • Batimentos cardíacos acelerados;
  • Estresse diário;
  • Impaciência com os colegas de trabalho;

Para assistir o vídeo sobre como vencer a depressão CLIQUE AQUI 

A ansiedade pode tornar a sua vida mais difícil do que é, pois ela é capaz de nos fazer enxergar somente o que queremos e, como não estamos bem consigo mesmo não conseguimos ver beleza e motivos para agradecer.

Para ganhar vida a ansiedade precisa ser alimentada com pensamentos que fortalecem a ideia e justifica a razão de se sentir de tal maneira. Ela vai ganhando força e a sua raiz vai ficando cada vez mais profunda dentro da sua mente e do seu coração. Hábitos, costumes e estilo de vida favorece o surgimento e a permanência da ansiedade em nossa vida.

Porém existem ações e atitudes que podemos fazer uso para reduzir ou acabar de uma vez por todas com a ansiedade.

Como Controlar a Ansiedade

Você pode controlar a ansiedade mudando seus pensamentos e olhando o mundo de uma forma diferente. Agora você vai conhecer 10 atitudes que vão lhe ajudar controlar a ansiedade e melhorar sua qualidade de vida. Pratique cada uma delas e você irá perceber significativa mudança no seu dia a dia.

1.Respire Fundo

A sensação de desespero, nervosismo e medo faz parte da rotina de uma pessoa ansiosa. Portanto, quando esses sintomas surgirem com uma força maior do que de costume pare e respire fundo.

Não dê voz aos pensamentos que levam você a se sentir mais nervoso, mais tenso e mais desesperado. O ar entrando no seu pulmão traz calmaria, mansidão e paz. Concentre-se nas boas sensações.

2.Torne-se positivo

Tudo vai dar certo. Vou resolver esse problema. Eu sou capaz de superar tudo isso. Vou vencer. Recorra aos pensamentos carregados de positividade e energia quando a ansiedade tentar dominar você.

3.Agradeça

Mesmo sem grandes acontecimentos ou conquistas crie o hábito de agradecer por tudo. A gratidão gera bem-estar e força para lidar com emoções ruins. Pratique a gratidão e viva melhor.

Anote em um papel todos os motivos que você tem para agradecer e certamente seu estado emocional vai melhorar.

4. Afaste-se de tudo que causa ansiedade

Pare de assistir reportagens ou filmes que despertam emoções negativas, inclusive a ansiedade. Vez ou outra procure se desconectar do uso excessivo das redes sociais. Fique off line por dois dias ou uma semana. Dê férias a si mesmo e encontre neste tempo atividades que proporcionam prazer como tirar uma soneca depois do almoço, balançar em uma rede lendo o seu livro preferido, tomar café com bolo de milho e prosear com as amigas sobre os últimos acontecimentos, visitar um amigo da infância e conversar por longas horas sem compromisso. O que importa é se conectar com pessoas reais, rir, aprender, compartilhar e voltar para casa com a energia em dia.

5. Coloque sua paciência na tomada

A paciência é uma virtude cada dia mais rara. Cada um seguindo a sua vida com tanta pressa em se dar bem, em tirar as melhores notas, em conquistar novos clientes. A eterna pressa em se mostrar insubstituível para o chefe, para o marido ou para os amigos. Toda essa agitação gera ansiedade e com isso nos pegamos impacientes com pessoas que não estão na mesma busca.

É preciso colocar diariamente a nossa paciência para carregar em uma tomada imaginária para que no dia seguinte sejamos capazes de nos relacionar melhor com todos aqueles que fazem parte da nossa vida.

6. Tenha fé

Ter fé é compreender que existe uma força superior à nossa vontade capaz de nos impulsionar a sermos melhores com nós mesmos e com os outros. A fé verdadeira não vem acompanhada da ansiedade por tudo. Fé é a confiança de que tudo vai dar certo, que Deus existe e tem o melhor para nossa vida.

Desenvolva a sua fé em Deus. É uma das decisões assertivas para colocar um fim na ansiedade permanente.

É de vital importância tirar um tempo diariamente para falar sobre as suas angustias, sua aflição e sua ansiedade. Crie o hábito de orar em silêncio ou em voz alta antes de dormir. Antes de pedir, agradeça. Antes de questionar, compreenda a vontade de Deus. Antes de cobrar a demora dele atender a sua oração, respeite o seu tempo.

7. A hora de pedir ajuda e apoio

A maior prova de amor que existe é quando conseguimos perceber que não estamos bem e buscamos ajuda. O amor próprio deve ser maior que a ansiedade que você sente. Existe um limite válido considerado normal que é se sentir ansioso pra saber se passou no vestibular, se tirou uma nota boa na prova, se vai conseguir uma promoção no trabalho, mas seguir ansioso todos os dias mesmo sem ter um motivo requer a conscientização de que necessita de apoio profissional de um psicólogo.

Ter um profissional para ouvir sobre as suas ansiedades e realizar exercícios para controlar toda essa energia canalizando em algo bom é fundamental para alcançar um tratamento eficaz. Se você sente que a sua ansiedade está consumindo todas as suas emoções é hora de buscar ajuda profissional.

8. Um amigo vale ouro

Se tem uma coisa que não devemos guardar é raiva, rancor, tristeza, mágoa e ansiedade. Tudo isso misturado é uma bomba prestes a explodir.

Converse com alguém que você confia sobre como você se sente. Falar ajuda, relaxa e possibilita a chance de encontrarmos uma resposta, um esclarecimento ou um melhor entendimento com base na visão do outro sobre o que estamos lidando que vem causando tanta ansiedade.

Tenha alguém para ouvir sobre as suas conquistas, vitórias e felicidade, mas lembre-se de ter alguém para segurar a sua mão quando você estiver nos seus piores momentos.

9. Desligue o celular

A nossa mente necessita de silêncio. Porém estamos sempre rodeados de barulho. O telefone fica tocando indicando mensagens nas redes sociais que não param de chegar. Crie o hábito de desligar o seu celular e viver o que está acontecendo naquele exato momento. Não viva em função das máquinas, mas dos prazeres que cada momento pede.  O silencio é um bálsamo que nos ajuda a relaxar e reduzir a ansiedade em meio ao caos do mundo.

10. Importe-se menos

Será que realmente é necessário se sentir tão angustiado por isso?

Será que o que está acontecendo é grave o bastante para você não ter conseguido dormir?

Complicamos a nossa vida quando não conseguimos filtrar o que é importante do que é desnecessário. Pintamos de preto uma situação quando na verdade deveríamos ter pintado de colorido. Às vezes algo não é grave o bastante, mas tira o nosso sono, nossa tranquilidade e quando nos damos conta o dia amanheceu e estamos presos a uma ansiedade desnecessária.

Talvez respirar fundo ajuda. Talvez não levar tudo tão a sério seja a solução. Talvez encarar cada problema ou dificuldade de cada vez facilite a sua vida. Talvez o que lhe faz falta você já conseguiu e nem percebeu, pois estava tão concentrado em se manter ansioso que não notou.

A ansiedade existe em cada um de nós. Você precisa decidir como você quer colorir a sua vida.

Colunista colaboradora:
Sue Cursino é formada como assistente social e técnica em Marketing,
acredita no poder transformador das palavras e por isso escreve sobre
motivação,comportamento, espiritualidade.
Conheça o seu canal de mensagens no youtube:

 

 

 

Está Fora do Peso e Não Sabe Como Emagrecer de Forma Saudável? Receba  7 Dicas de Ouro!

Washington Luiz

Advogado e Técnico em Contabilidade. Pós graduado em Direito do Trabalho, especialização em DireitoTributário.

Website: http://www.tempodeganhar.net

Deixe seu comentário