A Arte De Envelhecer Bem E Com Sabedoria

Envelhecer bem e com sabedoria significa aceitar a vida como ela é com seus altos e baixos sem no entanto deixar-se levar pela crença de que o envelhecimento é sinal do fim dos tempos e o que resta é sentar-se em uma cadeira de balanço e esperar a morte chegar. Envelhecemos, isto é um fato e ponto final l! O que importa, todavia, é aprender a arte de envelhecer bem.e com sabedoria.

A arte de envelhecer bem e com sabedoria

Os anos mágicos da juventude foram embora e em seu lugar surgiram os cabelos grisalhos e outras mudanças físicas se revelaram.

A nossa embalagem, ou melhor, a nossa capa tão visível aos outros pode até significar que já deu o que tinha que dar, que já fez o que tinha que ser feito e que já viveu tempo demais para sonhar.

Sabe o que os outros não conseguem enxergar? O coração. Esse órgão que pulsa sem parar, que não se vê, mas que também não é uma peça decorativa fora do baralho e ainda está pulsando, sentindo, sonhando, desejando. Ele não está morto e como tal pulsa por pessoas, por ideais e todos os dias crê, busca e deixa a vida e as emoções o conduzir para novas experiências e novos aprendizados.

Envelhecer é só mais uma etapa da dádiva da vida. Envelhecer é aceitar as marcas de expressão como uma resposta pelos sorrisos e gargalhadas que foi capaz de dar. Envelhecer é compreender que o corpo pode até não responder imediatamente com a mesma disposição da juventude, mas que é possível criar, realizar e pintar a vida com as cores mais bonitas do arco-íris.

Envelhecer é uma arte. Aprender a arte de envelhecer bem e com sabedoria é uma necessidade! Alguns não terão a chance de alcançar essa fase da vida em que a pressa não existe em que se colhem os frutos das sementes plantadas e que se desfruta dos planos bem-sucedidos ou, então, se lamenta pelo que deveria ter feito, mas não fez, pelo que deveria ter dito, mas não disse e assim segue frustrado ou confiante de que fez o que era possível ser feito.

Envelhecemos quando deixamos de sonhar, acreditar e buscar. Envelhecemos quando mais criticamos que apoiamos. Envelhecemos quando negamos as nossas vontades com receio da opinião alheia. Envelhecemos quando abandonamos os nossos sonhos por não ter coragem de lutar por eles. Envelhecemos até mesmo quando tentamos retardar o próprio envelhecimento. E isso, cá entre nós, é um desperdício de tempo e energia, pois afinal, envelhecer faz parte do ciclo da vida.

Bom mesmo é envelhecer com saúde, com esperança, com fé e amor no coração. Bom mesmo é acordar pela manhã e não se assustar por notar os primeiros fios brancos ou as primeiras rugas. Bom mesmo é aceitar e olhar para a face refletida no espelho com amor, admiração e respeito.

Só envelhece quem está vivo. Parece uma frase tosca, mas não é. Sabe aquela pele viçosa, lisinha e juvenil? Ela vai mudar. Use o melhor protetor solar, o melhor creme antirrugas e busque todos os mecanismos disponíveis para retardar o envelhecimento da sua pele, mas chegará o dia que você vai notar que não adianta brigar com o tempo.

Envelhecemos um pouco mais todos os dias. Esta é a lei da vida! É a vida acontecendo e seguindo o seu ritmo normal. Tem quem pense que envelhecer é sinal de que a vida está chegando ao fim, mas a verdade é que é na velhice que os sonhos são moldados com a experiência que a juventude não permitiu realizar e, assim a vida recomeça plenamente com fios grisalhos, com rugas estampadas na face e com um sorriso de quem sabe ser feliz do jeito que é.

Você se lembra daquelas fotos lindas da juventude? Guarde-as com carinho. Elas contam a sua história. Mas ao envelhecer não se desespere ao se ver tão diferente. Essa pessoa na foto é você carregando nas costas a sua bagagem pessoal de experiências e aprendizados.

Está Fora do Peso e Não Sabe Como Emagrecer de Forma Saudável? Receba  7 Dicas de Ouro!

Washington Luiz

Advogado e Técnico em Contabilidade. Pós graduado em Direito do Trabalho, especialização em DireitoTributário.

Website: http://www.tempodeganhar.net

Deixe seu comentário