Como economizar dinheiro

Como economizar dinheiro mesmo ganhando pouco parece impossível, mas para quem realmente deseja mudar seu estilo de vida e se dispor em colocar em prática determinados as dicas que ora propomos certamente verá que é perfeitamente possível dar um novo rumo na sua vida financeira.

Como economizar dinheiro mesmo ganhando pouco

Como poupar dinheiro ganhando pouco?

Como organizar as finanças?

Perguntas como essas surgem com frequência na internet, afinal quem não quer aprender como economizar dinheiro ganhando pouco?

Um dinheirinho guardado não faz mal algum!

Para aprender como economizar dinheiro é essencial avaliar a importância que você dá ao seu dinheiro.

É importante questionar a si mesmo antes de comprar qualquer coisa nas vitrines da vida:

  • Eu estou comprando porque eu preciso?
  • Eu estou comprando porque todos estão comprando a mesma coisa?

  • Eu estou comprando porque talvez algum dia eu vou precisar disso?

Pensa bem: Quantas vezes você comprou algo por impulso e se arrependeu depois?

Quantas vezes você adquiriu algo que nem precisava por se sentir triste ou nervosa?

Hoje você está saudável e empregado. Por que economizar, então?

Resposta muito simples! Porque é importante ter uma reserva para boas oportunidades ou para situações críticas como desemprego ou doença.

Dicas de como economizar dinheiro mesmo ganhando pouco

1. Economize dinheiro negociando o valor do seu plano mensal do telefone fixo e internet residencial;

Muitas pessoas têm plano mensal de telefone para poder ter a internet em casa. Todavia, é possível negociar um plano mais econômico, ter uma internet menos rápida sem trazer maiores transtornos.

Ligue hoje para sua operadora e negocie um plano mais  favorável.

2. Economize dinheiro negociando o valor do seu plano de TV a cabo.

Via de regra assinamos um plano com inúmeros canais sendo que na realidade acessamos apenas alguns deles. Gosta de assistir filmes? Assine um plano de filmes e séries on line em sua TV e reduza ou cancele seu plano de TV a cabo.

3. Não compre por impulso no primeiro site ou na primeira loja.

Precisa de uma TV, geladeira ou celular do último tipo?

Somos vaidosos por natureza! Sempre desejamos uma TV, uma geladeira ou celular melhores e mais avançados com inúmeras opções sendo que não utilizamos nem 50% delas.

Para, pensa, pesquise e compare! De repente você encontra o que o satisfaz por um preço muito menor.

4. Como agir no dia de fazer compras?

Faça uma lista antes de entrar no supermercado. Coloque na lista o que será consumido nos primeiros quinze dias do mês. O ideal é aguardar boas promoções que acontecem geralmente na metade do mês. Fica de olho nas promoções e liquidações!

Cuidado com as compras parceladas que comprometem o limite do seu cartão de crédito e falando nele cuidado redobrado com os juros cobrado

5. Peça desconto. Negocie. Dê valor ao seu suor!

Só você sabe o quanto trabalhou para ganhar seu salário. Dinheiro não nasce em árvore. Vale a pena se concentrar nos seus gastos e não se envergonhe de pechinchar e não deixe de lutar pelos seus direitos

6. Evite compras parceladas.

Compre à vista, assim você garante bons descontos e não compromete seus ganhos futuros.

7. Crie metas e estabeleça prazos 

Planeje suas despesas do mês seguinte. Estabeleça quanto pretende gastar com as despesas rotineira como água, luz, transporte, alimentação etc. Programe seus gastos com o lazer e não deixe que estas despesas extrapole o seu orçamento.

Mas, acima de tudo estabeleça prazos para alcançar seus objetivos.

8. Reserve um valor todo mês.

Muitas pessoas afirmam que não conseguem guardar dinheiro na poupança ou fazer um investimento a longo prazo.

É totalmente compreensivel na atual conjuntura em que vivemos.

Mas, espremendo aqui, enxugando ali é possível começar devagar. Dando um passo de cada vez.

Procure guardar pelo menos 10% por cento dos seus ganhos mensais.

Fuja da poupança.

Existem outras formas mais vantajosas de proteger seu dinheiro. Pense no Tesouro Direto, por exemplo, que oferece diversas aplicações que não exigem maiores conhecimentos e são tão seguras quanto a poupança.

9. Pague suas contas em dia.

Evite atrasar o pagamento de suas contas. Altere a data de vencimento de todas elas para um mesmo dia. Assim você não se esquece de pagar alguma e fica livre desta preocupação durante todo mês.

10. Esqueça o cartão de crédito.

O cartão de crédito é um facilitador e complicador ao mesmo tempo. Ele facilita a aquisição de bens duráveis e supérfluos e complica aqueles que não tem controle nem planejamento. Ele pode ser utilizado com inteligência, mas se você tem dúvida de capacidade de controle é melhor esquecê-lo na gaveta.

Conclusão

Bons resultados têm quem decide começar e estabelece prazos para alcançar o que deseja 

Só ficar falando e planejando não dá né?

Guarde bem essas palavras: Disciplina, planejamento, foco, objetivo e dedicação aliados à atitude podem transformar sua vida.

Sempre é Tempo de Sonhar, Confiar, Agradecer e Perdoar!  

Washington Luiz

Advogado e Técnico em Contabilidade. Pós graduado em Direito do Trabalho, especialização em DireitoTributário.

Website: https://www.tempodeganhar.net

Deixe seu comentário